Vamos Seguir os Nossos Caminhos (Andressandio Soares Franco)

Mamãe, que Deus possa nos dar a força que precisamos.

O papai Luiz vai se recuperando, e quem está aqui ao meu lado é a vovó Marinalva que lhe abraça carinhosamente.

Mãe, estou aqui sim e com a sua fé e sua firmeza me permitiram trazer notícias.

Mãe, a minha irmã Alana será a continuidade de mim ao seu lado, e preciso ver seu coração sossegado referente à forma como vim.

Mamãe, não criei qualquer hostilidade com ninguém, ao contrário procurei ajudar e amenizar a discussão que presenciei, e jamais pensei que as coisas desenrolariam como se fez, tanto é que voltei ao local de encontro com os amigos sem qualquer cisma. Eu fui abordado na surpresa natural de quem não poderia crer que o assunto para mim encerrado viesse à tona, por mais eu estivesse na lista do processo. Infelizmente muitas pessoas tem tempo para arquitetar o mal dos outros.

Mãe, antes de tudo saiba que não me vejo do lado de cá com qualquer ressentimento de revanche e desejo do mal. Por mais eu tenha sofrido pelo que me fizeram eu aqui me vi ao lado da senhora que se fez para mim ser a vovó Marinalva e que pude receber a sustentação. De início não foi fácil, mas depois fui recobrando a emoção para não cair em clima de ódio ou de revide.

Lembrei de você, lembrei de papai, lembrei de nossa baixinha e pensei que estar com vocês seria o caminho melhor para o meu coração, e agora estou aqui lhe tranquilizando o coração, e peço a você que eu não coloque nomes envolvidos, porque os benfeitores espirituais deste local não nos autorizam por segurança geral.

Eu preciso dizer que você precisa saber que eu estou bem conduzido e que estarei com você em clima de amor e carinho.

Fui pego de surpresa sem que conseguisse me safar mamãe do atrito.

O que é mais importante mamãe, é você retornar em casa com o coração mais suave e saber que não estou em qualquer situação de desequilíbrio.

Venho aprendendo com minha avó que todos nós iremos apresentar as mãos ao universo do que fizemos e não fizemos.

Aguarde em paz e vamos seguir nossos caminhos.

Deixo aqui o meu coração escrito nessas páginas para que você mãe respire com mais tranquilidade.

Eu sou testemunha de sua dor de todos estes dias, do papai Luiz, mas hoje vamos mãe construir um novo caminho, não se apegando no passado.

É isso aí Dona Nice…

É o seu sempre seu filho para sempre.

ANDRESSANDIO SOARES FRANCO (21/02/2012, 22 anos)

Mensagem psicografada nas Faculdades Integradas Espírita, organizada pelo Centro Espírita Bom Samaritano, em Curitiba, no dia 10 de novembro de 2013, pelo médium Orlando Noronha Carneiro.

Publicado em Psicografias