Tudo já passou mamãe (Rafael Coutinho da Silva)

Querida mãezinha Maria, meu pai Ismael, Deus nos ajude e nos proteja.

Quem me acompanha é o vovô Abel.

Trago notícias do meu irmão Gabriel e peço que você fique em paz que estamos lhe dando o apoio após o ocorrido com o Gabriel.

Suas preces de todas as manhãs chegam até mim como sendo um apoio para mim aqui.

O Abel pede pra dizer que o Gabriel ficará bem.

Mãe, nossos corações estão sempre com meus irmãos, o Ismael, o Daniel e a Amanda. Peço mãe que você seja a mensageira de meu abraço e de meu avô Abel aos meus irmãos.

Tudo já passou mamãe, não estou ligado ao ocorrido comigo naquele dia em que a violência se fez presente e assim aconteceu o que você tem conhecimento, e agora me vejo na missão de ajudar o meu irmão Gabriel e você poderá ficar tranquila assim.

A saudade é forte, espero ver o meu pai Ismael fortalecido, mais uma vez agradeço as suas orações de manhã pensando em mim e também no Gabriel.

Estaremos juntos mãe, um dia a violência não fará mais parte do caminho dos homens.

Seguirei em paz mamãe, sejam fortes com a sua fé.

Mãe, nossa casa é um ambiente de proteção em que papai e meus irmãos são envolvidos pela sua coragem mamãe.

Sou auxiliado a escrever e feliz por vê-la aqui, e assim mãe sua paz com papai e meus irmãos se fará mais forte.

Preciso parar…

Seu filho com o carinho de coração sempre em suas orações, Rafael.

RAFAEL COUTINHO DA SILVA (20/03/2011, 21 anos)

Mensagem psicografada nas Faculdades Integradas Espírita, organizada pelo Centro Espírita Bom Samaritano, em Curitiba, no dia 10 de novembro de 2013, pelo médium Orlando Noronha Carneiro.

Publicado em Psicografias