Psicografia: TENHAMOS ALEGRIA DOS QUE SABEM QUE O FUTURO NOS RESERVA DIAS FELIZES (Marco Antônio Rocha)

TENHAMOS ALEGRIA DOS QUE SABEM QUE O FUTURO NOS RESERVA DIAS FELIZES

Marco Antonio Rocha

Mamãe Delmira, Papai, que Jesus nos dê a sua força, nós que tanto necessitamos.

Mamãe, antes de tudo quero lhe agradecer pela coragem com que você vem enfrentando minha ausência. Estou aqui com a vovó Maria e desejo asserenar seu coração no sentido de saber que estou bem, em clima de muita esperança.

O trânsito, não é mamãe, é uma ciência, e toda a ciência não se deve brincar. Imagina o químico que em laboratório brincasse com os elementos químicos. Existe na conclusão da química todo um tratado de segurança para que não se ocorram desastres.

O trânsito na cidade, nas rodovias, é uma ciência que desejamos dizer que não se pode brincar. Por aí tantos jovens andando sem maiores responsabilidades. As orientações que chegam de nossas autoridades não ocorrem por acaso, são a partir de estudos precisos, através de estatísticas bem conduzidas. Veja aí as estatísticas referentes aos acidentes de moto pelos descasos e abusos. Os rachas que acontecem nas vias públicas representam o ímpeto de jovens que querem mostrar que são super-homens, querendo vencer limites e às vezes não se dão conta que colocam em riscos suas vidas e de outras criaturas.

Senti quando um toque de um veículo chocou com o veículo, expulsando-me para fora do carro. Eu não estava com o cinto de segurança, e caso tivesse respeitado as determinações de nossas autoridades, o impacto não teria me removido para fora do carro. Se escaparia com vida no corpo, eu não saberia lhe responder essa questão, mas a probabilidade de amortizar o resultado do acidente seria sem dúvida bem clara.

Cabe-nos mamãe de não ficar buscando responsáveis pelo acidente ocorrido comigo, pois não resolveria o nosso problema de saudades. Não é possível retroceder, como fazemos em um filme de DVD. Precisamos suportar, mamãe, as provas que nos chegaram, para que não vivamos nos martirizando na dor.

Eu também precisei aceitar o acontecido, e assumir a parcela de minhas responsabilidades. O que me adiantaria reclamar dos outros ocupantes dos veículos envolvidos? A verdade, mamãe, é que estou em outra realidade da vida, onde tudo vem continuando, pois dia a dia estou aprendendo e conquistando nova visão da vida.

Não se entregue ao desânimo e à tristeza, por mais que lhe machuque o espinho da saudade. A saudade deve ser sim um aviso da vida, que um dia estaremos novamente reunidos.

Peço-lhe ser a portadora de minhas recomendações de sucesso às minhas irmãs Paula e Rafaela, a quem desejo toda a felicidade do mundo. Não choremos pelo passado que ficou, mas tenhamos alegria dos que sabem que o futuro nos reserva dias felizes.

Deixo a vocês o melhor de mim, porque você é para mim a mãezona que sempre foi e é a corajosa mãe que fez o impossível por mim e por minhas irmãs.

Na certeza do reencontro dessa manhã, dedico as notícias em nome de nosso amor.

Seu filho de sempre, Marco.

MARCO ANTÔNIO ROCHA (07/09/2003, 23 anos)

Mensagem psicografada pelo médium Orlando Noronha Carneiro, dia 26 de setembro de 2010, no Grupo Espírita de Caridade Meimei, em Curitiba.
Posted in Psicografias

Deixe uma resposta

Psicografias

Prezados Amigos,

Com alegria informamos da psicografia, como sempre sobre as bênçãos de Jesus, na divulgação da Doutrina Espírita codificada por Allan Kardec à luz do Evangelho de Jesus.

Calendário atualizado em todos os locais. (aqui).

Senhas da Psicografia

Em geral, convidamos a todos que busquem, se for de sua vontade, uma Casa Espírita, orientada conforme os preceitos de Jesus e Kardec, e de fácil acesso, com o objetivo de conhecerem a Doutrina Espírita em seus estudos e cursos especializados.

Fraternalmente,
EQUIPE PORTAS DO AMOR