Psicografia: ESTOU ALI PERTO DE VOCÊ NO ALTO TE VENDO (Fernanda)

Papai Carlos…

Na verdade só consigo escrever porque meu avô Laercio e outros amigos que conheci agora me ajudam.

Estou tentando ao máximo lhe dizer algo, pois não sei se escrevo ou se choro…

Só poso agradecer por você ter sido conduzido até aqui.

Compreenda se eu não deslancho e se são frases entrecortadas, é que esses dias estão sendo terríveis para nós, e enquanto não trouxesse a você o recado não ficaria em paz.

O vovô tem me ajudado até a locomover, não posso dar maiores explicações daqui porque ainda sou a filha que estou acordando de um sonho.

O que me mobiliza vir até aqui é para lhe dizer que não nos prendamos a definições de que tudo poderia ser diferente, porque não atendi às inspirações de minha filha para não pegar estrada?

Não pai, por favor não encaminhe para esse raciocínio, você me conhece nas decisões que tomava.

Segui na viagem atendendo à minha programação e posso lhe dizer que agora não consigo lhe dizer tudo que aconteceu no acidente…

Me vi limitada, restrita à qualquer ação, só vi quando avancei ante ao veículo pesado à minha frente, e assim por agora me perdoe porque não consigo dizer mais nada à respeito porque o que importa para mim é ver meu pai ir dormir sem qualquer peso na consciência porque poderia ter evitado o acidente.

Estou nas mãos de gente boa, e o vovô Laércio já é um condutor que me empresa seu ombro.

Volte de novo, mais para frente, aí eu virei com mais tranquilidade…

Só que que você saiba que estou sendo recebida com amor e carinho…

Passe para os nossos tudo que achar necessário se achar conveniente…

Estou precisando agora parar, o cansaço me chega.

Ao olhar para o céu, pai, eleja uma estrela para o seu coração, pois não estou distante, estou ali perto de você no alto te vendo, e findo dizendo: vocês são brilhantes, vocês são sensacionais.

Até breve pai, voltamos a conversar, quem sabe um dia te chamo no celular, num toque inconfundível.

A sua estrela, a sua filha sim, Fernanda.

FERNANDA PEREIRA ALMEIDA

Mensagem psicografada no Centro Espírita Recanto da Prece, em Curitiba, no dia 26 de fevereiro de 2012, pelo médium Orlando Noronha Carneiro¬

Publicado em Psicografias

Deixe uma resposta