Nada Mudou entre Nós (Silmar Antonio Fogiato)

Sandra, meu amor, um jovem chamado Abelha contribuiu para que eu viesse até aqui. Antes não pude vir por estar me recuperando, depois por faltar oportunidade.

No dia em que lhe vi na intervenção de oxigenação eu sabia que o corpo não mais aguentaria e compreendi naquele mal estar intenso que não conseguiria suportar, e o que queria lhe dizer é que não ficasse preocupada comigo, e que segurasse o negócio da forma que você o encontraria, mesmo com a inexperiência. Era isso que queria lhe dizer, e sei de sua atual preocupação, e não será se desesperando que vamos solucionar as coisas.

Escuto você me chamando buscando luz no fim do túnel, e nada em você e em nossas filhas fica insensível a mim. Estou conectado com vocês e sei que vocês passam pelas provas que precisam passar, como eu que devo aprender com as provações.

Aguente firma, como diríamos, respire bem fundo, e vam

Silmar Antonio Fogiato

Silmar Antonio Fogiato

os em frente.

Entendo sua carência, mas não me veja assim ausente, o quanto posso tento lhe fazer sentir a minha presença. É assim que não conseguindo todo intento consigo acessar a nossa Isabela, que não estranhe nossos encontros. Não se assuste com as lágrimas, que será muito natural, pois nada mudou entre nós, apenas há uma questão de visão.

Sandra, veja, você terá o meu apoio em suas decisões perante aos negócios. Não fique presa a uma herança minha. Explico: por ser algo que batalhei pra conseguir isso que chamo de herança. Pense na sua paz, na sua tranquilidade, e principalmente de sua saúde. Acalme o seu coração, desacelere o que puder, estamos juntos nessa batalha.

Deixo o meu beijo à Isabela e à Rafaela. Com carinho abrace por mim a mamãe Mercedes e o papai Silvio em tranquilidade sem qualquer alarde.

Não se desespere, e quanto à mim agora, como disse, estou bem mais alinhado com a vida espiritual.

Deixo todo meu carinho, e como antes que nosso domingo seja de festa e de alegria.

Seu sempre com amor, Silmar.

SILMAR ANTONIO FOGIATO (04/05/2013, 50 anos)

Mensagem psicografada nas Faculdades Integradas Espírita, organizada pelo Centro Espírita Bom Samaritano, em Curitiba, no dia 16 de fevereiro de 2014, pelo médium Orlando Noronha Carneiro.

Publicado em Psicografias