Galã do coração de ouro (Henrique Silva Bilchi)

Depoimento da Família:

   Henrique, sempre foi um rapaz que levava a vida com bom humor e paz. Não entrava em conflito e relevava os pequenos desentendimentos do dia à dia. Fazia as pessoas rirem e ajudava sempre que possível. Um rapaz de coração bom. Aos 29 anos ao voltar do centro da cidade de Vinhedo onde jantou, para isso entrava na Rodovia Miguel Melhado e aos 15 segundos para entrar no bairro houve uma colisão onde não teve nenhuma chance de desviar segundo o detetive no local. Henrique deixou um vazio nas vidas de seus pais e irmãs. Uma carta de conforto recebida pelo médium os fez acreditar na vida após a morte.

Henrique-Silva-Bilchi

Mensagem:

Carta Psicografada pelo Médium Orlando Noronha Carneiro
São Caetano do Sul – SP
17/07/2016

“Minha mãe Ilza, Cintia minha irmã, tia Maria.

    Hoje é um dia de sol para as nossas vidas, Sol que precisa aquecer as nossas vidas, sempre e sempre. É seu Rick que chega aqui mãe, com a compreensão de como está encarando as coisas, o meu pai José Carlos. Foi tão recente as coisas, mas o que não foi rápido para mim nesta vida? Tinha que seguir o ímpeto para que as coisas acontecessem como deveria acontecer…

    Não vim só não, quem me trouxe aqui é a vó Etelvina que nos abraça também… Não pude também conter a ansiedade deste momento… Vi a pressa e ansiedade que vocês vieram de Vinhedo e esperava ansioso a chegada de vocês e aqui estou com o coração batendo forte…

    Mãe, Cintia, tia o que não preciso lhes dizer é que agora estou em paz e com serenidade. Não poderia ficar preso a minha dor de uma dura verdade, e deixar vocês por aí com esta dor toda com o acidente que aconteceu assim muito ligeiro, sem que eu pudesse evitar, ou melhor, desviar porque quando vi um veículo que atravessou a minha rota, colidindo comigo, causando os traumas fatais e que me levasse a uma sonolência irresistível, a ponto de apagar de vez, mas sabia que eu continuava pensando. Entrei em um plano de sonho que via os projetos em minha cabeça arquitetava outras soluções com suas felicidades… Mas depois compreendi que eu precisava em outro plano, este que agora me encontro e vejo que o artista chamado Deus que é o autor do teatro da vida tem muito mais para nos mostrar… A vida é mais e mais, e estamos nela com um só objetivo: viver bem e fazendo o bem. Encontrei aqui só gente de bem, e irei compreender o que vocês entendem com o acidente, pois fiquei sabendo que o condutor do veículo e seu parceiro estavam com o álcool na cabeça que desajuizou suas funções motoras e ai deu no que deu, e é claro fiquei chateado, mas meu coração não tem espaço para reinar o ódio, mas sei também compreender os que pensam diferente.

    Mãe e pai ainda é tão cedo para eu compreender todas as coisas, mas acredito que para um prego na rodovia, sendo ser a presa para algum veículo, tem um sentido de ser. Acredito piamente que algum contratempo pareceria de muito que me aconteceram para que eu não estivesse ali naquele exato momento, cruzando com duas criaturas que foram o agente de uma viagem que estamos lutando para entender.

Ouço os amigos de projetos me lembrando e falando da fatalidade.
Como disse é tão novo para nós, mas obrigado por acreditarem que eu não ficaria preso assim com a dor.
Estou aqui mãe, com a condição de estar dia à dia compreendendo as coisas.
Fico sensibilizado pelo carinho e homenagens no coração de pessoas tão queridas.
Não consigo ir mais adiante, mas estarei me preparando para um amanhã ou mais notícias…
Aprendi com vocês em casa o valor da sensibilidade… Levem para o pai o meu abraço. E mais uma vez obrigada pelo esforço de chegarem aqui o que valeu a pena para todos nós…
Eu ficarei feliz de ver minhas coisas sendo auxilio e apoiar para quem precise.
O irmão e filho cada dia melhor
Henrique Silva Bilchi

Notas fornecidas pela família após a psicografia:
1)    Ilza Maria Bilchi mãe de Henrique
2)   Cintia Bilchi irmã de Henrique
3)   Maria Bilchi tia de Henrique
4)   José Carlos Bilchi pai de Henrique
5)   Etelvina Bilchi avó paterna de Henrique desencarnada em 19 de maio de 2015
6)   Sobre o acidente, os rapazes embriagados que estavam no caminho contrário invadiram a pista que seguiram do pedágio até a colisão naquela madrugada.

 

Publicado em Psicografias Marcado com: