4ª PSICOGRAFIA DE MARIANA MOREIRA MALASPINA

Querida Mãezinha Simone,

Meu querido Pai Carlos,

Vovó Cidinéia,

Hoje deve ser um dia de muita alegria para nós, diante de dias seguidos de tanta dor. Antecipo que o Vovô Affonso está ao meu lado abraçando você vovó. Eu não vou me fazer de fortona, pois enquanto escrevo, as lágrimas seguem intensas ao escrever e vê-los no salão, pedindo a minha presença. Dei até um pequeno tempo aqui agora para deslanchar na carta, desculpe.

Mamãe vou ao ponto crucial: “A VIDA”. DEUS NÃO FOI INJUSTO PARA CONOSCO. Precisamos ser coerentes de que a Gripe “A”, na chamada pandemia,  pegou todos  na área da medicina, de surpresa. Assim aconteceu com outras pandemias. Nós sabemos que todas estas doenças que cruzam o caminho do homem é produto dele mesmo, de suas condições. E quando afirmamos que estamos no mesmo barco, estamos falando uma grande verdade.

A falta da medicação não foi por qualquer interesse. Ocorreu pela tribulação e desespero de toda a comunidade médica. Se não houve tempo, mamãe e vovó, para que chegasse a medicação, tem um sentido para isto. Não aconteceu só comigo, outras pessoas passaram pelas mesmas provações, eles afirmam que tudo está certo, pois NÃO HÁ ERROS EM DEUS.

Espero que nós não raciocinemos com nossa dor, raciocinar com a dor pode nos levar a conceitos não verdadeiros. Estou convicta de que nosso Pai decidiu finalizar o meu ciclo no mundo para iniciar outro no tapete do céu. A Pedagogia mamãe, pela experiência que estamos passando não está confinada nas sábias estruturas de nossos pedagogos tão competentes que o mundo teve e tem. A pedagogia da vida é muito mais ampla, e estamos aprendendo com ela, com a nossa ausência temporária.

Serei mamãe, a sua eterna aluna na Escola da Vida. Não esquecerei jamais de suas lições e aulas na escola que me permitia sentir algo muito bonito a seu respeito, orgulho. Eu me orgulho de tê-la como mãe tão querida.

Vovó, o vovô Affonso lhe beija com intensidade, com a gratidão pelo seu desempenho nos dias mais difíceis.

É isso, estão pedindo para finalizar, pois é mãe, se deixarem estarei escrevendo mais. Você mamãe esteja em paz, fique com Deus, você vovó e você pai, eu não posso vê-lo papai desistindo de viver, entregando-se ao tempo. Não me faça chorar papai, pois foi difícil vê-lo largar tudo por causa da nossa situação, reaja por mim, não desista da luta, eu não ficarei bem aqui vendo  você deste jeito. Eu agradeço as flores que me entrega, mas mais do que as flores que me entrega preciso que você me retorne com as flores da sua vida. Venha até aqui e abra o seu coração.

Mãe, vó, beijão, sempre com vocês.

Mariana Moreira Malaspina

Psicografia recebida em 01 de agosto de 2010, em Reunião Pública, pelo Médium Orlando Noronha Carneiro no Pronto Socorro Espiritual em Osasco – SP.

Publicado em Psicografias

Deixe uma resposta